Deputado deixa o PP e as primeiras da semana

Sharing is caring!

Marcel Van Hatten, tido como uma promessa dentro do PP, conhecido pelo seu famoso direitismo, por estar com a área contaminada, vai para o partido NOVO, que – em Santiago – está sob a liderança de FROILAN OLIVEIRA.

==

Se Nelson Abreu, por hipótese, tirar um atestado de 3 meses, abra-se uma guerra. O suplente é Gavioli. Mas a direção do PDT entende que ele perdeu a vaga por ter saído do Partido e que a vaga seria do suplente LIMA. Gavioli, entende que a vaga dele. É um debate aceso.

==

Começou a guerra no PP local. Tiago Gorski foi criticado por líder jovem por não tem honrado a promessa das 60 casas populares prometidas no primeiro ano de governo. O líder das críticas foi duramente reprimido pelo “GRANDE IRMÃO”, Otávio Biermann Pinto, que teve seu brilhante filho Otávio Pinto, neto e herdeiro do poderoso avô Valdir Amaral Pinto, aprovado no último exame de ordem. Tudo indica que assume como Procurador Jurídico no Capão do Cipó.

==

O líder jovem tem razão. “No primeiro ano de governo farei 60 casas populares”, disse Tiago em debate com Bonotto na Rádio Santiago. Na verdade, não cumpriu a promessa e agora, sai com um discurso de que fará 300 casas, só que até agora não apresentaram o documento da CEF dando empréstimo a fundo perdido, como Chicão conseguia. Ter o terremo, ali na saída do primeiro lajeado, é chover no molhado. Há quantos anos aquele terreno foi concebido para este fim?

==

Tem mais gente em Santiago acompanhando o deputado MARCEL VAN HATTEN.

==

A Oncologia pode sim vir para Santiago, apesar de um “santiaguense” estar na coordenadoria regional.

==

O negócio é o seguinte. Se SANTIAGO assumir os partos de São Francisco de Assis, a oncologia vem. Tentaram Alegrete, mas o preço de Alegrete foi o dobro de Santiago. Enquanto tentam São Pedro do Sul, se Santiago concordar, a oncologia será nossa. Mãos poderosas e invisíveis atuaram sobre o pedido de Heinze e Celso Rigo, de São Borja, em Brasília.

==

O racha no PP santiaguense é maior do que se imagina com a criação do Partido NOVO.

==

No Capão do Cipó só se fala em pneus.

==

Unistalda começa as aulas com o município rompido com o Estado, sem convênio de transporte escolar.

Comentar no Facebook

Deixe uma resposta