PÂNICO NAS RELAÇÕES MUNDIAIS

Sharing is caring!

O assassinato, pelos Estados Unidos, do comandante Qasem Soleimani (FOTO) vai representar uma nova guerra mundial setorizada, sem sombras de dúvidas. Não serão apenas EUA e Irã. Israrel, já posicionou apoiando os EUA, A Rússia, já se posicionou condenando a morte de Soleimani, que era de altíssima patente militar e um dos líderes da Guarda Revolucionária iraniana e comandante dos Quds.

Essa mancha na política mundial, ocorreu nessa sexta-feira (3), devido ao fato de os EUA promoverem um ataque aéreo ao aeroporto internacional de Bagdá, capital do Irã.

A justificativa de Trump é de que o General iraniano mataria mais americanos e também responsabilizou-o pela ação das milícias Kataib Hezbollah, que, segundo os falcões do Pentágano, são apoiadas pelo Irã, mas sem prova alguma. Ademais, Trump promoveu o ataque a um país soberano sem consultar o congresso, o que torna o caso mais emblemático,

Nesse momento, os cidadãos americanos e suas família empreendem retirada em massa do Irã e o pânico toma contra das relações mundiais.

Comentar no Facebook

Deixe uma resposta